• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Português (Brasil)English (United Kingdom)

Financiamentos recebidos

Tecnologia da Informação Aplicada à Saúde

Financiador: FINEP - Edital MCT/FINEP CT-Saúde - Telessaúde e Telemedicina - 01/2010

Período de Execução: 2011 - 2012

Descrição: Prevê o desenvolvimento de uma plataforma multi-aplicativa para aplicações em telemedicina com um sistema integrado de processamento de sinais e um modem PLC para aplicações hospitalares. O projeto foi elaborado em parceria com a Z Tecnologia em Comunicação, o Hospital Universitário de Brasília e o Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da UnB.

Integrantes: Francisco Assis de Oliveira Nascimento (Coordenador Geral), João Luiz Azevedo de Carvalho, Florêncio Ayres da Silva, Raimundo Guimarães Saraiva Junior, Adson Ferreira da Rocha, Marcelino Monteiro de Andrade, Elza Ferreira Noronha, Gustavo Adolfo Sierra Romero, Maria Imaculada Muniz Barboza Junqueira, Luiz Fernando Junqueira Junior, Alexandre Zaghetto, Bruno Luiggi Macchiavello Espinoza, Pedro de Azevedo Berger, Gabriel Freitas dos Santos, Gabriel de Freitas Sartori, Thales Henrique Dantas, Daniel França Vasconcelos, Odimar Araújo Costa dos Reis, Ryan Martins Dias Rangel.


Redes Ad Hoc Eficientes (RAHE)

Financiador: CNPQ - Edital Universal (Faixa A)

Período de Execução: 2010 - 2012

Descrição: Este projeto propõe investigar novos métodos de comunicações em redes ad hoc e de sensores que considerem técnicas de redução de consumo de energia no acesso ao canal de comunicação, como também desenvolver roteamento otimizado utilizando a idéia de balanceamento aleatório de cargas com múltiplas cópias de pacotes de forma a reduzir o atraso na entrega de pacotes ao destinatário sem diminuir a vazão. Portanto, redução de consumo de energia e roteamento otimizado proporcionarão redes ad hoc eficientes cujas técnicas podem ser aplicadas em redes de sensores. Modelos analíticos das camadas física e de enlace serão desenvolvidos e os protocolos de comunicação serão validados em simuladores de redes. Prevê-se também a aplicação e teste destes protocolos em redes de sensores práticas.

Integrantes: Renato Mariz de Moraes (Coordenador), Marcelo M. de Carvalho, Paulo Roberto de Lira Gondim


Reconstrução de Imagens de Ressonância Magnética de Fluxo com Imageamento Paralelo

Financiador: CNPq - Edital Universal 2010 (Faixa A)

Período de Execução: 2011 - 2012

Descrição: Investiga o uso de imageamento paralelo para aumentar o fator de aceleração da aquisição de dados de ressonância magnética cardiovascular de fluxo adquiridos usando a técnica spiral FVE.

Integrantes: João Luiz Azevedo de Carvalho (Coordenador), Adson Ferreira da Costa, Francisco Assis de O. Nascimento, Geovany Araújo Borges, Ícaro dos Santos, Ricardo Lopes de Queiroz.


INCT - NAMITEC

Financiador: CNPq

Período de Execução: 2009 - 2011

Descrição: O Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) NAMITEC tem como objetivo principal realizar pesquisa e desenvolvimento em sistemas micro e nanoeletrônicos integrados inteligentes, que propiciem a realização de sistemas eletrônicos autônomos tais como redes de sensores inteligentes, sistemas embarcados e sistemas auto-ajustáveis, com aplicações em particular em agricultura de precisão, no controle ambiental, em energia, na instrumentação biomédica, na indústria automotiva e aeroespacial e nas telecomunicações.

Integrantes: Jacobus W. Smart (CTI Renato Archer/MCT), José Camargo da Costa, Alexandre R. S. Romariz, Janaína G. Guimarães, Artemis Marti Ceschin, Ricardo Jacobi (CIC/UNB).


Rede H.264 SBTVD

Financiador: FINEP - Encomenda Vertical de Projeto de Pesquisa

Período de Execução: 2008 - 2011

Descrição: Tem como objetivo o desenvolvimento de produtos de interesse nacional na área de codificação de sinais-fonte para o SBTVD (Sistema Brasileiro de TV Digital). Executado pela UFRGS, tem como co-executores as seguintes instituições: LSITec, COPPE/UFRJ, IME, UFRN, UnB, UFSC, Unicamp e Ceitec.

Integrantes: Altamiro Amadeu Susin, Ricardo Lopes de Queiroz, Ricardo Pezzuol Jacobi, João Luiz Azevedo de Carvalho.


Simulador Interativo Inteligente para Treinamento de Operadores de Estação

Financiador:

Período de Execução: 2009 - 2011

Descrição: O objetivo deste projeto consiste em desenvolver um sistema de jogo interativo para treinamento, capacitação e qualificação de operadores que irão atuar em subestações e usinas do Sistema Interligado Nacional. O sistema será dotado de realismo gráfico tri-dimensional, interação por meio de smart-board e sistema multimídia, e um sistema inteligente para geração automática de situações de estudo, assim como de pontuação do operador. Uma ocorrência nova será gerada automaticamente, sem que o operador tenha conhecimento prévio de qual ocorrência será. Então o operador passará a interagir com o simulador para resolver o problema proposto. O realismo a ser imposto pelo simulador será por meio de interface visual 3D (painéis de operação, equipamentos de campo, cubículos de equipamentos, etc) gerada para cada unidade do diagrama unifilar. Deverá ser simulada a situação de estresse imposta pelo problema. O tempo de deslocamento espacial do operador também deverá ser considerado nas manobras realizadas. No final, um relatório deverá ser gerado, ilustrando quantitativamente e qualitativamente o desempenho do operador. O simulador deverá ter um módulo de inteligência que baseia-se em uma base de conhecimento que deve ser facilmente atualizável por operadores experientes. Desta forma, haverá conhecimento acumulado armazenado na base, de forma que as situações geradas serão compatíveis com situações reais, assim como será possível traçar uma seqüência de ações esperadas pelo operador em tempo real, de acordo com as ações por ele já efetuadas. Será possível assim não somente avaliar o operador diante de situações existentes na base de conhecimento, como também, por meio do relatório, identificar novos procedimentos que eventualmente otimizem o processo.

Integrantes: Francisco Assis de O. Nascimento (Coordenador), Ricardo Pezzuol Jacobi, Geovany Araújo Borges, Kleber Melo e Silva, Pedro de Azevedo Berger, Anésio de Leles Ferreira Filho.


Desenvolvimento de um Sistema de Mini-VANT para Imageamento Giro-Estabilizado

Financiador: Financiadora de Estudos e Projetos

Período de Execução: 2010 - atual

Descrição: Na última década, observou-se um grande esforço para desenvolvimento e emprego de Veículos Aéreos Não Tripulados, tanto para aplicações militares como civis. No Brasil, o número de projetos ainda é relativamente pequeno comparado à diversidade e demanda por sistemas de supervisão aérea que possuam autonomia, precisão e que não coloquem em risco de vida o operador. O crescimento do nosso país, associado aos problemas de segurança, de controle de fronteiras, de controle da produção agrícola, e de controle ambiental, requerem cada vez mais o emprego de novas tecnologias. Em outra direção, existe pouco desenvolvimento no Brasil de componentes e sub-sistemas para serem usados nesse tipo de veículo. Isso nos deixa muito dependentes de tecnologia externa, que sofre controle e restrições à exportação por parte de seus governos. Esses são os principais pontos que justificam a proposta, que tem como executores grupos de pesquisa da UnB e ITA, com experiência nesse tipo de projeto, e a empresa XMobots que já possui produtos em testes. Acredita-se que com a união desses segmentos, pode-se obter ao final um protótipo cabeça de série. O seu desenvolvimento deve atentar para as normas de experimentação desse tipo de aeronave no Brasil. Mais especificamente, esse projeto tem como objetivo desenvolver um Mini Veículo Aéreo Não Tripulado (MiniVANT) arremessado com as mãos, com peso inferior a 5 kg, dimensão linear máxima de 3,0 m, alcance mínimo de 20 km, autonomia de vôo mínima de 60 minutos e capaz de ser transportado, montado e operado por uma equipe de apenas 2 (duas) pessoas. O sistema deverá se tornar um produto da empresa XMobots, parceira do consórcio.

Integrantes: Geovany Araujo Borges (Coordenador), Roberto Ferraz Campos Filho, Luiz Carlos Miyadaira Ribeiro Júnior, André Barros de Sales, Georges Daniel Amvame Nze, Fabio Henrique de Assis, Flavio Henrique Justiniano Ribeiro da Silva, Henrique Cezar Ferreira, Fabio Macêdo Mendes, Mateus Rodrigues Miranda, Marcelino Monteiro de Andrade, Manuel Nascimento Dias Barcelos Júnior, Edson Alves da Costa Júnior, Jacques Waldmann, João Yoshiyuki Ishihara, Ricardo Zelenovsky


Tecnologias Avançadas de Próteses para Amputados de Membro Inferior

Financiador: Financiadora de Estudos e Projetos

Período de Execução: 2010 - atual

Descrição: O projeto tem como objetivo apresentar soluções para melhorar a qualidade de vida de amputados de membro inferior utilizando tecnologias da robótica de reabilitação (R-LEG). Nessa vertente, o projeto deve gerar dois protótipos de próteses: uma para amputados acima do joelho e uma para amputados abaixo do joelho. Sob a ótica da robótica de reabilitação humana, esses dispositivos deverão ser ativos, ou seja, motorizados, capazes de se adequar ao usuário e serem funcionais à marcha humana com o auxílio de um aparato sensorial e de processamento baseado em modelos de marcha, necessitando o mínimo de intervenção por parte do usuário. Os resultados deverão ser alcançados tendo como base pesquisas realizadas na Universidade de Brasília nos últimos cinco anos. Nesse contexto, a pesquisa será direcionada ao desenvolvimento de próteses funcionais, ou seja, aptas a serem usadas por pacientes que deverão passar por protocolos de reabilitação.Portanto, esse projeto provê ações visando à simplificação e independência nas atividades da vida diária por parte de amputados de membro inferior. Com melhoria da mobilidade, isso deve promover maior inclusão educacional, produtiva e social, contribuindo para a melhoria da acessibilidade aos serviços de transporte, às instalações prediais e às áreas de circulação. Deve contribuir para o tratamento e reabilitação de amputados de membro inferior. O projeto deverá permitir ajustes de forma a se adequar a uma ampla faixa de usuários (desenho universal). Em se tornando produto, seu mercado é mundial.

Integrantes: Geovany Araujo Borges (Coordenador), João Yoshiyuki Ishihara, Ricardo Zelenovsky, Vera Regina Fernandes da Silva, Cosme Roberto M. da Silva, Adson Ferreira da Rocha, Lélio Ribeiro Soares Júnior.


Labinov - Laboratório de Inovação em Ambientes Inteligentes

Financiador: MCT/FINEP/FNDCT - PROMOVE 06/2006

Período de Execução: 2007 - 2011

Descrição: Implantar um Laboratório de Inovação congregando o conjunto de Departamentos da Faculdade de Tecnologia da UnB, numa rede de P&D&I multidisciplinar, em associação com o setor produtivo, capaz de atender às demandas da sociedade contemporânea. Associar, no âmbito desse Laboratório, as atividades de Pesquisa e Desenvolvimento e as atividades de Formação de Recursos Humanos, de modo a integrar o ambiente acadêmico e o setor produtivo propiciando, por meio de projetos em parceria, todas as condições necessárias à formação de profissionais qualificados.

Integrantes: Adolfo Bauchspiess (Coordenador), Humberto Abdalla Jr., Geovany A. Borges, João Y. Ishihara, Marco A. F. Egito Coelho, José Camargo da Costa, Paulo Roberto de Lira Gondim, Luis Felipe da Cruz Figueredo, José Luís Olmos Flores, Helger Augusto Acosta Muñoz, Flávio Augusto R. de Oliveira, Paulo Augusto Ferreira Júnior.


Aparato Experimental para Pesquisa em Guiagem de Instrumentos por Robô Manipulador para Tratamento de Câncer

Financiador: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Período de Execução: 2010 - atual

Descrição: Projeto de pesquisa aprovado no Edital Capes Pró-equipamentos Institucional nº27/2010. Nesse projeto, foram solicitados equipamentos que darão suporte à montagem de uma infra-estrutura de robótica cirúrgica, voltada para o tratamento de câncer. O objetivo do projeto consiste em desenvolver um sistema de guiagem de catéter ou de agulha flexíveis por robô manipulador, com realimentação por imagens de ultra-som, que permitiria a um médico especialista alcançar orgãos do corpo que seriam alvo de procedimentos de biópsia ou de quimioterapia.

Integrantes: Geovany Araujo Borges (Coordenador), João Yoshiyuki Ishihara, Ícaro dos Santos, Henrique Cezar Ferreira, João Luiz Carvalho, Francisco Assis de Oliveira Nascimento.


Sistema Multi-Robôs para Execução Colaborativa de Tarefas Usando Sensoriamento Ubíquo em Ambientes Não Estruturados

Financiador: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Período de Execução: 2009 - atual

Descrição: Projeto de pesquisa colaborativa aprovado no Edital Capes Pró-equipamentos Institucional nº13/2008. Nesse projeto, três grupos de pesquisa da Universidade de Brasilia realizam pesquisa em robótica cooperativa. Três robôs moveis Pioneer 3AT dotados de manipulador, GPS/INS/Odometria e visão estéreo estão sendo preparadas para executar tarefas envolvendo cooperação entre elas em ambiente externo. Cada plataforma tem uma especialidade principal. Os grupos de pesquisa estão com foco nas seguintes especialidades: (a) Controle servo-visual de manipulador em plataforma móvel usando múltiplas câmeras, grupo GRACO da Eng. Mecânica da UnB; (b) Localização e controle de formação de frotas de robôs, grupos GRAV/GICA da Eng. Elétrica da UnB; (c) Interfaces naturais, da Ciência da Computação da UnB.

Integrantes: Victor Hugo Casanova Alcalde, Lélio Ribeiro Soares Júnior,Adolfo Bauchspiess, Ricardo Pezzuol Jacobi, Gerson Henrique Pfitscher, Geovany Araujo Borges, João Yoshiyuki Ishihara,Sadek Crisóstomo Absi Alfaro, Guilherme Caribé Carvalho, Carlos Humberto Llanos Quintero.


Navegação de Robôs Móveis Baseada em Visão Computacional: SLAM Visual e Controle Híbrido Servo-Visual

Financiador: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Período de Execução: 2008 - atual

Descrição: Projeto de pesquisa aprovado no edital universal 2008 do CNPq. Esse projeto tem como objetivos (i) avanço teórico no controle e filtragem de sistemas híbridos usando modelos com saltos markovianos, (ii) estudo e proposta de técnicas de mapeamento e localização simultânea visual e (iii) a proposta de técnicas navegação servo-visual usando a teoria de sistemas híbridos para modelos com saltos markovianos. Por meio desse projeto estão sendo adquiridos dois robôs móveis: um Pioneer 2DX e um Pioneer 3AT, que serão equipados com pares de câmeras estéreo e uma central de navegação inercial de concepção própria.

Integrantes: Geovany Araujo Borges (Coordenador), João Yoshiyuki Ishihara.


Desenvolvimento de Ferramentas Didáticas para Ensino de Automação Industrial

Financiador: Rockwell Automation

Período de Execução: 2008 - atual

Descrição: Projeto financiado pela empresa Rockwell Automation do Brasil Ltda, no âmbito da Lei de Informática com o objetivo de propiciar apoio material e financeiro ao desenvolvimento de ferramentas didáticas para auxílio no ensino de automação industrial. No mesmo projeto inclui-se o apoio ao desenvolvimento de duas pesquisas em nível de mestrado, referentes a controle ótimo em grupos de elevadores implementado em sistemas de automação industrial e a técnicas de verificação aplicadas a modelos de sistemas híbridos para determinação de adequação de programas desenvolvidos em linguagem SFC para automação de sistemas que envolvam tanto o controle discreto quanto contínuo.

Integrantes: Geovany Araujo Borges (Coordenador), Guilherme Caribé Carvalho.


SAPIEN - Sistema de Automação Predial Inteligente para racionalização do uso de Energia Elétrica

Financiador: Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal

Período de Execução: 2005 - 2010

Descrição: Projeto de pesquisa que deve resultar no desenvolvimento de produto com parceiro industrial que subsidie a racionalização de energia pela utilização de regras fuzzy e integração de sensores e atuadores em ambientes prediais. Serão desenvolvidos: a) módulos de hardware microcontrolados e b) software de supervisão e controle para ambiente Linux. Estas inovações tecnológicas poderão ser integradas a diversas linhas de automação predial oferecidas no mercado nacional.

Integrantes: Adolfo Bauchspiess, Marcelo de Almeida Silva, Claiton César de Urzêda, Clóvis Simões, Flávia Sousa Aranha, Geovany Araujo Borges.


Modelagem, Construção e Caracterização de um Transistor Mono-Eletronorgânico

Financiador: CNPq

Período de Execução: 2008 - 2010

Descrição: O objetivo deste projeto é poder reunir  áreas como a física, a química e a engenharia elétrica em torno de um objetivo comum, o desenvolvimento de dispositivos quânticos. Esses dispositivos operam baseando-se em princípios como o bloqueio de Coulomb e são fortes candidatos para a confecção de circuitos integrados de ultra-baixa potência e alta densidade de dispositivos. Contudo, apesar das avançadas pesquisas neste assunto, o material usado continua sendo o silício e/ou outros semicondutores inorgânicos (GaAs, InGaAs, AlGaAs, InP). A utilização de equipamentos sofisticados e caros se faz necessário quando estes semicondutores inorgânicos são utilizados, por exemplo, técnicas epitaxiais de crescimento e fotolitografia. Também tais materiais são duros (não são flexíveis) e quebradiços e não podem, por exemplo, serem depositados em uma superfície plástica, a qual possui propriedades tais como leveza, flexibilidade e baixo custo. Por exemplo, a construção de uma antena, a qual se adapte a forma física de um satélite ou avião é bem vinda para minimizar os efeitos do atrito. Fibras plásticas já estão sendo usadas em alguns casos em substituição às fibras ópticas de vidro. Sendo assim, a utilização de plásticos (polímeros orgânicos) em substituição aos materiais inorgânicos para a fabricação de dispositivos microeletrônicos, tem tomado força a partir da descoberta da condutividade elétrica de polímeros nos anos 70.Diante do exposto, o nosso projeto e desafio será a modelagem, construção e caracterização de uma estrutura quântica usando materiais poliméricos e orgânicos na sua confecção.

Integrantes: Adson Ferreira da Costa, José Camargo da Costa, Alexandre R. S. Romariz, Janaína G. Guimarães, Artemis Marti Ceschin.


Desenvolvimento de Tecnologia para Comunicação Digital em Redes de Transmissão de Energia Elétrica: MODEM-PLC

Financiador: Ministério da Ciência e da Tecnologia

Período de Execução: 2009 - 2010

Descrição: A tecnologia de comunicação digital utilizando linhas de transmissão de energia elétrica objeto de desenvolvimento neste projeto é estratégica para o desenvolvimento do País, para atender a inclusão digital em áreas remotas e para possibilitar um canal de retorno para a TV digital interativa. Tal coisa só pode ser viabilizada por ser o Brasil um país continental e possuir umas das redes de transmissão de energia elétrica mais complexas do mundo. Essa infra-estrutura já instalada e que corta o País em diversas direções (principalmente aquelas com deficiência em sistemas de comunicação: regiões Centro Oeste, Norte e Nordeste) possibilitará o tráfego de informações (dados, voz, TV digital, serviço diversos: educação à distância, telemedicina, comércio eletrônico e outros) por meio dos cabos que conduzem a energia elétrica. Fazem parte dos objetivos do projeto, especificar, propor e desenvolver soluções tecnológicas para a comunicação de dados sobre linhas de transmissão de energia elétrica. Proposta de desenvolvimento de MODEM (contração das palavras MODulador e DEModulador) para transmissão de dados por linhas elétricas.

Integrantes: Francisco Assis de O. Nascimento (Coordenador), Alexandre Gontijo Rabelo, Florêncio Ayres da Silva Filho, Frederico Quadros D'Almeida, Raimundo Saraiva Jr.


Sistema Embarcado Suportado por Kernel Linux para Medidas de QoS para IPTV

Financiador: Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal

Período de Execução: 2009 - 2010

Descrição: O objetivo deste projeto é conceber e implementar um protótipo para uma instrumentação digital microprocessada para a avaliação de enlaces IP onde trafegam sinais de TV Digital. Este instrumento tem por finalidade a mensuração de parâmetros de QoS (Quality of Service) nas linhas utilizadas pelas operadoras de telecomunicações para o tráfego de dados e vídeo de alta velocidade, geralmente utilizadas para prover o serviço de Internet, em conexões conhecidas como Banda Larga e recentemente serviços de TV Digital (projetos piloto). Além de oferecer os serviços de voz e dados, as operadoras de telecomunicações querem oferecer o serviço de vídeo e a tecnologia de melhor custo/benefício hoje em dia é o IPTV. Daí surge a necessidade de se mensurar uma série de parâmetros de QoS (Quality of Service), testar os atuais links de dados e checar se os mesmos estão adequados ao tráfego de pacotes IPTV, que necessitam de maior largura de banda de freqüências. Os pares metálicos existentes hoje nas redes das operadoras nem sempre estão propícios ao transporte das altas freqüências e por isso torna-se crítico o teste das linhas e do serviço IPTV. O módulo de software IPTV fará parte de um produto baseado uma plataforma microprocessada suportada por kernel Linux (software livre). Este será o primeiro produto totalmente nacional, capaz de implementar os seguintes testes nos serviços de IPTV: - realizar medidas de qualidade do sinal de vídeo (QoS), tanto em broadcasting como em unicasting (também conhecido como VoD- Video on Demand) - emular um set-top box (STB); - mostrar a imagem real que está sendo recebida, utilizando decodificação MPEG-2 e MPEG-4; Dentre as medidas realizadas estarão: - indicador de erro; - perda de pacotes; - latência IGMP; - jitter de pacote; - jitter de PCR; - perda de sincronismo; - total de pacotes IP transmitidos e recebidos; - total de pacotes de vídeo; - taxa de IP; - taxa de stream de vídeo; O produto proposto neste projeto é impo.

Integrantes: Francisco Assis de O. Nascimento (Coordenador), Maria Silvia Ito, Marcel Henrique Trabuco, Otávio Viegas Caixeta, Otávio Henrique G. Franco, Guilherme de Paula Corrêa, Roberto Silva Lucatelli, Jorge Luís Barreto Pereira.


Aplicações de Smart Cards Associado com Biometria: Impressão Digital, Face Tridimensional e Assinatura Espectral de Voz

Financiador: Secretaria Especial de Informática

Período de Execução: 2008 - 2010

Descrição: Desenvolver tecnologia associada à biometria e smart cards para procedimentos de verificação e/ou identificação de indivíduos. Devem ser investigados a biometria de impressão digital e de voz. Os parâmetros da biometria (além de outros que dependem da aplicação) devem ser armazenados em um smart card na forma de um template. Um template é uma representação compacta da característica biométrica que possui informações significativas para identificar o indivíduo, descrevendo os dados biométricos para facilitar a comparação. O smart card pode ser um dispositivo de leitura somente ou pode possuir uma arquitetura microprocessada e atuar na verificação/identificação, criptografia das informações e autenticação do dispositivo. Várias aplicações podem ser vislumbradas utilizando smart cards em conjunto com informações de biometria, como por exemplo: Dispositivos seguros para acesso bancário utilizando smart card com troca de certificados digitais de transações bancária; Título eleitoral digital com biometria (Projeto do Governo Brasileiro) Primeira fase: deve convergir para o Sistema Único de Identificação SUI (segunda fase); Sistema Único de Identificação SUI (Projeto do Governo Brasileiro): identidade, CPF e título de eleitor armazenados em smart card associados às informações de biometria; Carteiras funcionais; Sistemas de controle de acesso a áreas sigilosas e/ou utilização de infra-estrutura de comunicações. O projeto visa levantar os requisitos técnicos, condições de contorno, obter protótipos de algoritmos e especificar a tecnologia a ser utilizada. Em seguida será implementada uma aplicação utilizando smarta card e biometria que possa ser utilizada como base para as diversas aplicações de interesse.

Integrantes: Francisco Assis de O. Nascimento (Coordenador), João Gondin,José Maria Leocadio, Geovany Araújo Borges, Pedro de Azevedo Berger, Anderson C Nascimento.


Protótipo de Sistema Robótico Aéreo para Auxílio à Inspeção de Linhas de Transmissão

Financiador: Transmissão de Energia Elétrica S/A

Período de Execução: 2006 - 2009

Descrição: O principal objetivo deste trabalho consiste em desenvolver um sistema automatizado de auxílio à inspeção visual de linhas de transmissão de energia. Este sistema será formado por Veículo Aéreo Não-Tripulado (VANT), que será um helimodelo completamente robotizado. Neste UAV serão embarcadas câmeras de vídeo para a aquisição de imagens aéreas das linhas e torres do sistema de transmissão. Mais especificamente, as seguintes atividades estão em desenvolvimento: Adaptação um helimodelo comercial para receber a instrumentação embarcada do VANT; Desenvolvimento de um sistema embarcado de navegação com localização 3D e piloto automático de emergência; Desenvolvimento de um sistema embarcado de aquisição de imagens; Desenvolvimento de uma estratégia de controle para estabilização de vôo; Enlace de comunicação sem fio entre o UAV e a estação base; Desenvolvimento do software supervisório da estação base em Linux; Desenvolvimento de um software simulador em Linux. Estudar técnicas de visão computacional para o auxílio à inspeção de LTs por UAVs.

Integrantes: Geovany Araújo Borges (Coordenador), Adolfo Bauchspiess, Antonio Padilha Lanari Bo, Bruno Vilhena Adorno, Alexandre Simões Martins, Ener Diniz Beckmann.