• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Português (Brasil)English (United Kingdom)
Principal Infra-estrutura

Infra-estrutura

O PGEA usufrui da infra-estrutura do Departamento de Engenharia Elétrica da UnB, além de todas as facilidades acadêmicas oferecidas por essa Universidade.

No Departamento de Engenharia Elétrica, tem-se uma secretaria, salas de aula equipadas com projetores multimídia, auditórios e salas para defesas.

Os grupos de pesquisa realizam suas atividades nos seguintes laboratórios, cuja infra-estrutura é resumida a seguir:


Infra-estrutura do Laboratório de Dispositivos e Circuitos Integrados (LDCI)

O Laboratório de Dispositivos e Circuitos Integrados (LDCI) do Departamento de Engenharia Elétrica da UnB é resultante da fusão dos grupos de pesquisa certificados LTSD e LPCI, da mesma instituição, em atenção ao OF. CIRC PR. n.º 0439 /2006 (CNPq). No LDCI encontram-se:

  • Sala de Caracterização Elétrica de Dispositivos e Circuitos Integrados (sub-Hz até 3 GHz);
  • Sala de Caracterização Optoeletrônica e Estrutural (Laser-Ultra-som) de Dispositivos e Materiais;
  • Sala de Projeto de Circuitos Integrados (plataforma Cadence completa);
  • Sala para preparação das amostras.

Essas instalações estão plenamente operacionais. Entre os equipamentos disponíveis estão:

  • Eletrômetro Keithley 6517;
  • Fonte de Referência Keithley 263;
  • Digital source-meter 20 Keithley 2400;
  • Medidor LCR HP 4284A;
  • Analisador Lógico/Temporal Agilent 1673G;
  • Analisador de Redes Vetorial HP Agilent 8714ES;
  • Osciloscópio digital HP 54600A;
  • 2 multímetros digitais HP 34401A;
  • Probe station semi-automática para caracterização elétrica até 10 MHz;
  • Probe station Cascade RF-1 (ponteiras até 40 GHz );
  • Cartão FPGA Virtex XCV800;
  • 8 PCs Pentium;
  • Periféricos (Impressoras, scanner );
  • 7 Workstations Sun (Ultra Sparc, Sparc5, Sparc2, Sparc LX);
  • Balança de precisão (pesagem do material orgânico que será diluído em solvente apropriado);
  • Sistema de rotação centrífuga (spin coating) para deposição de filmes finos poliméricos sobre o substrato de vidro ou plástico;
  • Estufa para secagem (o filme orgânico produzido deve ser seco);
  • 1 capela química com exaustão de gases.

Entre os softwares disponíveis estão:

  • SIMON ( 1 licença);
  • Labview;
  • Simulador Elétrico SPICE;
  • Simuladores VHDL Altera, Xilinx e Cadence Design Systems;
  • HP Benchlink (Aquisição de dados);
  • AFM - microscópio de força atômica (para a caracterização e construção dos dispositivos nanoeletrônicos).

E ainda, os seguintes equipamentos se encontram em processo de compra:

  • Perfilômetro (determinar as espessuras dos filmes finos);
  • Evaporadora (para contatos elétricos de forma manual).

Infra-estrutura do Laboratório do Grupo de Engenharia Biomédica (GEB)

Este laboratório é utilizado por alunos de iniciação científica, de mestrado e de doutorado. Neste laboratório são desenvolvidos equipamentos médicos tais como ECG, EMG e oxímetros, além da realização de experimentos in vitro. O laboratório ocupa uma área de 60 m2 e possui os
seguintes equipamentos:

  • Laboratório de computação: com oito estações de trabalho PC, ferramentas computacionais dedicadas, telefone e conexão à INTERNET;
  • Sala de desenvolvimento de hardware: um osciloscópio digital (2 canais, 100 MHz, marca KIKUSUI), uma fonte dupla variável (0 - 30V, 5A)
  • Instrumento de aquisição/geração de sinais, marca Dynon Instruments,
  • Kits de desenvolvimento e teste de circuitos para microprocessador ARM
  • IDE de desenvolvimento, programação e teste de programas em Assembler e linguagem C para microcontroladores, marca Keil;
  • Cartões de desenvolvimento para microcontroladores MOTOROLA 6811, 6812 e 6805, TEXAS Instruments MSP430 e INTEL 8051;ts MSP430;
  • 1 Placa de aquisição de dados PCI da National Instruments;
  • 5 Placas de aquisição de dados USB da DLPDesign;
  • Anemômetro
  • Analisador de qualidade de energia
  • Decibelímetro
  • Amplificador diferencial (1000 X)
  • Analisador de Segurança Elétrica Portátil
  • Analisador de Desfibrilador e Marca Passo
  • Osciloscópio digital de bancada, 02 + 16 canais, largura de banda de 100 MHz, Txamost. 2GSa/s
  • Medidor de Pressão Universal DPM4 1G
  • Simulador de paciente
  • Pulmão Teste Portátil
  • Balança Ultra-sônica
  • Analisador de PNI BP Pump 2L
  • Analisador de SPO2 (teste elétrico e teste óptico)
  • Analisador de PNI Cufflink
  • Analisador de bisturi elétrico
  • Analisador de Segurança c/ Impressora
  • Analisador de incubadora infantil
  • Analisador de Fluxo de Gases
  • Analisador de Gases Medicinais
  • Analisador de Bomba de Infusão IDA 4 Plus 4 Canais
  • Multímetro digital portátil, display de 10.000 contagens RANGE de 20,00 F até 10GF
  • Ponta de prova de alta tensão 100:1,4kV, 250 MHz
  • Tacômetro digital ópitico e de contato, range de 0,8 até 25.000 RPM (contato) e de 6 até 99.999 RPM
  • Gravador de Eprom
  • Gravador de funções de 1mHz à 10MHz, capaz de gerar as diversas formas de onda
  • Fonte de alimentação CC programável, Saída tripla: 0.+25V,0-1 A; 0-25 V, 0-1 A; 0-6 V, 0-5 A 80W
  • Ponta de prova de corrente 100 KHz
  • Fonte de alimentação Elétrica
  • Gerador de Funções arbitrário, de 1MHz a 8,0 MHz
  • Banho térmico
  • Oxímetro de Pulso
  • Eletrocardiógrafo de 16 canais
  • Termovisor Infravermelho Fluke- TI10, Campo de Visão 23º X 17º resolução óptica 160X 120
  • Kit de desenvolvimento de circuito eletrônico

Entre os softwares disponíveis estão:

  • 4 Licenças de Visual Studio Professional;
  • 1 Licença de LabView

Complementam a infra-estrutura:

  • Bancadas para experimentos.
  • 1 impressora Laser e 1 Impressora a jato de tinta

Infra-estrutura do Laboratório do Grupo de Processamento Digital de Sinais (GPDS)

As instalações físicas do GPDS envolvem uma área de 160 m2, constituída por uma sala de computação, um laboratório de desenvolvimento de hardware, uma sala de reuniões, uma sala para almoxarifado, uma pequena biblioteca e seis salas para pesquisadores e alunos do grupo. Os recursos computacionais do GPDS incluem:

  • 9 computadores para uso coletivo
  • 17 computadores  para uso individual
  • 9 laptops
  • 5 computadores para desenvolvimento de projetos específicos
  • 6 servidores de computação (bit-crunchers)
  • 6 servidores gerais
  • Estação de trabalho para áudio
  • Estação de trabalho para HDTV com monitor LCD 47pol.
  • Estação de trabalho para TV Digital com monitor LCD 47pol., receptor de TV Digital e PS3.
  • 3 unidades de backup
  • 3 pontos de Wi-fi
  • Impressora laser colorida corporativa
  • Impressora monocromática laser corporativa
  • 2 impressoras  monocromáticas laser.
  • 2 scanners
  • Projetor e tela de projeção retrátil
  • 3 Osciloscópios digitais
  • Colorímetro para monitores
  • 2 cameras digitais
  • 20 kits de plataformas embarcadas
  • Scanner 3D com 6 câmeras firewire para biometria, com leitoras de impressão digital e smartcard
  • Placas DSP

A concretização do laboratório do GPDS e a aquisição dos recursos computacionais foi possível, em grande parte, graças a um projeto apoiado pelo Programa PADCT (FINEP-MCT), com recursos do Banco Mundial. Aos recursos adquiridos através deste projeto vêm sendo somados equipamentos proporcionados por novos projetos do GPDS junto ao CNPq e à FAP-DF.


Infra-estrutura do Laboratório de Controle e Visão por Computador (LCVC), Laboratório de Automação, Visão e Sistemas Inteligentes (LAVSI) e Laboratório de Robótica e Automação (LARA)

A área de concentração Controle e Automação tem três laboratórios associados: Laboratório de Controle e Visão por Computador (LCVC), Laboratório de Automação, Visão e Sistemas Inteligentes (LAVSI) e Laboratório de Robótica e Automação (LARA). Recentemente, esses laboratórios se uniram em um único espaço, e um novo nome ainda está em processo de definição.

Nele atuam todos os professores da área de Controle e Automação do Departamento de Engenharia Elétrica, que são em um total de 7, sendo que destes 4 atuarão no programa que está sendo proposto. Os laboratórios ocupam uma área total de 198m2, em que ficam uma sala para alunos de pós-graduação, uma sala de reuniões para 8 pessoas com projetor multimídia, e espaço experimental.

Os recursos materiais existentes são:

  • 39 microcomputadores, todos com monitor LCD, sendo dois servidores e o restante para desenvolvimento das atividades de pesquisa, e 5 impressoras laser;
  • Plataformas para pesquisa em robótica:
    • 1 robô manipulador Rhino e acessórios para montagem de uma célula de trabalho robótica;
    • 1 robô móvel Omni, pesando 350kg, com microcomputador industrial baseado em processador Pentium 4, 2GHz, laser rangefinder IBEO 30m, giroscópio laser, três rodas motrizes, omnidirecional, par de câmeras digitais Videre Design, cinturão ultra-som, rede sem fio 802.11;
    • 1 robô móvel Pioneer 3DX, equipado com microcomputador embarcado Cobra 1,8GHz, rede sem fio 802.11, par de câmeras digitais Videre Design, ultra-som;
    • 1 kit Robotis para robótica humanóide;
    • 2 helimodelos para pesquisa em robótica aérea: raptor 30 e raptor 60, com equipamentos de rádio a 2,4GHz, e um deles com instrumentação e controle embarcado com Linux tempo real, IMU CrossBow, GPS Novatel, altímetro barométrico, par de câmeras digitais Videre Design, e rede sem fio 802.11;
    • 1 kit quadrúpede com 12 graus de liberdade;
    • 1 kit quadrirrotor;
    • 2 robôs móveis para pesquisa em robótica cooperativa, com laptops EEEPC, câmera, sensores de distância por infra-vermelho, em configurações diferencial e omnidirecional;
    • 1 protótipo de prótese para amputados acima do joelho.
  • Kit composto de dois módulos pneumáticos da FESTO de célula de manufatura: distribuição e classificação ;
  • Instrumentos: 7 osciloscópios digitais, de 60 a 200 MHz; 6 Geradores de Sinais; 13 fontes de alimentação de três saídas independentes: duas de 0-30V @ 3A e uma 5V @ 5A;
  • Simuladores analógicos, para simulação de processos, e processos físicos didáticos, como sistemas eletromecânicos, térmicos, hidráulicos e pneumáticos;
  • 30 módulos Zigbee, pirômetro infravermelho, sensor de radiação solar, e anemômetro para pesquisa em automação predial e ambientes inteligentes;
  • 7 câmeras de vídeo digitais e 1 analógica, para pesquisa com visão computacional, com placas de interface para aquisição de imagens;
  • Placas de aquisição e comunicação de dados;
  • 5 Controladores Lógicos Programáveis(Siemens, Rockwell e WEG), e simuladores em escala de processos a eventos discretos: sinal de trânsito, máquinas de lavar, elevador de três andares;
  • Kits de desenvolvimento baseados em microcontroladores, processadores digitais de sinais, processadores x86, ARM7 e ARM9, para implementação de controladores digitais e sistemas embarcados;
  • Componentes eletrônicos e mecânicos para montagem de plataformas experimentais;
  • Programas de computador para auxílio à pesquisa: MATLAB/Simulink, Altium Designer, Compiladores C/C++;
  • 4 aparelhos de ar-condicionado, sendo 1 com módulo evaporativo;
  • 39 mesas de trabalho, duas bancadas de trabalho com montagens eletrônicas, dez armários;
  • 4 pontos wifi, sendo um exclusivo para robôs móveis
  • Ferramentas para trabalhos mecânicos: furadeira de bancada, furadeira manual, furadeira Dremel, esmeril.

E ainda, os seguintes equipamentos se encontram em processo de compra:

  • Um robô móvel Pioneer 3AT, completo com GPS, câmera e manipulador. Financiamento CAPES (Edital Pró-equipamentos 2008);
  • Um robô móvel Pioneer 3AT. Financiamento CNPq (Edital Universal 2008);
  • Kits de desenvolvimento ZigBit da empresa Meshnetics;